domingo, setembro 17, 2006

despertar




- para que insistes nessa vaga permanência da individualidade?

desperta, para que te possas conhecer.

- para que insistes nessa vaga construção dos dias e das horas?

como um fluxo contínuo, assim és a natureza.

- e qual o principio e o fim do fluxo?

mas,

a repetição é inexistente.

- quantos castelos de palavras obstruem a tua visão agora?

...

Daterra

2 Comments:

At 19 setembro, 2006, Blogger chumani said...

"You say I am going away, but where can I go? I am always here."

 
At 20 setembro, 2006, Blogger Daterra said...

de facto, não temos alternativa a não ser estar aqui...

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home