quinta-feira, janeiro 25, 2007

Folhas caem, um novo rebento



No percurso da nossa prática e conhecimento, considerando o processo de um modo específico, acabamos por descobrir como, afinal, é tão difícil e raro tornamo-nos simples e humildes – esvaziar-nos a nós mesmos, para sermos apenas principiantes, prontos para fazer tudo de novo, com frescura, como por exemplo, ver as pessoas e as coisas sempre com novos olhos.

Se bem que seja bastante fácil tornamo-nos grandes mestres neste mundo, já não é nada fácil sermos apenas a modesta folha de uma pequena erva selvagem. Se bem que seja fácil mover montanhas e rios, erguer centenas de gigantescos castelos de meditação, já não é nada fácil amarmos as nossas crianças e vizinhos dum modo verdadeiro. Muito embora seja fácil sermos como máquinas de sentar e cabeças duras com as nossas
auto-convicções, já não é nada fácil sentarmo-nos num estado pacífico, sem interferência das nossas mentes e pensamentos, só por dois minutos que seja.



Como nos diz o mestre Zen, Dogen, o que necessitamos sempre é de nos esvaziarmos e de vermos, como realmente somos, com os olhos da maior humildade.

“A menos que a direcção do nosso desejo e voto original
seja incessantemente verificado e questionado na sua qualidade
todas as nossas práticas e vidas serão dispendidas em vão”


Hôgen Yamahata, em Folhas caem, um novo rebento

5 Comments:

At 25 janeiro, 2007, Anonymous Anónimo said...

Hoje que se comemoraa tua chegada ao planeta terra,comemoro também o teu renascimento constante.Privilégio o meu, poder observar-te desde algum tempo de tão perto e ufruir da tua presença que sou eu e todos em Ti.
Fica sempre.
Airam

 
At 25 janeiro, 2007, Anonymous Anónimo said...

segundo entendi o comentário anterior do anónimo (Airam) fazes anos hoje. Certo? Se assim for parabéns.

Parabéns tb pelo teu blog que me inspira todos os dias… e que me ajuda todos os dias a trazer à consciência a busca da humildade e da simplicidade.

Muita Metta

 
At 25 janeiro, 2007, Blogger Daterra said...

Sim Avusa,hoje é o meu aniversário:)

Muito Obrigado amigo...

fico contente por partilhar o blog convosco, por poder ler os vossos também.

enfim, por podermos Ser com todos.

Abraço

 
At 25 janeiro, 2007, Blogger Daterra said...

Airam

que bela surpresa...

gostei muito de ler essas palavras:)

obrigado, muito...

Abraço amigo

 
At 25 janeiro, 2007, Blogger aya said...

Desfiz-me dessa coisa insignificante a que chamam "eu" e tornei-me no mundo imenso. (Soseki)

Parabéns...pelo mundo imenso que encontro neste teu cantinho!!! E Parabéns também...

Beijo

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home