segunda-feira, dezembro 10, 2007


finda a poeira
de todos os caminhos,
acende-se o lume da manhã.

aqui estou -

entregue a este instante
até que um Buda se revele
das cinzas.


Daterra

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home